Nissan confirma que o elétrico Leaf chegará ao Brasil até março de 2019

10/03/2018


Entretanto, o modelo 100% elétrico esbarra na Rota 2030, que ainda não foi aprovada pelo Governo Federal. Entenda o caso

Nissan Leaf: nova geração do elétrico ficou mais eficiente e com o mesmo estilo adotado no SUV Kicks

O martelo foi batido, confirmando a chegada do Nissan Leaf 100% elétrico ao Brasil. Conforme o planejamento da marca japonesa, teremos o carro em nossas ruas até março de 2019. Ainda é cedo para confirmar uma data, uma vez que sua chegada depende da aprovação do novo regime automotivo, o Rota 2030. E como vocês sabem, a situação não está nada fácil.

 

“A mesma tecnologia que existe fora do Brasil precisa estar em nosso País”, diz Marco Silva, presidente da Nissan. “Acreditamos que eletrificação veio pra ficar, e o Brasil não pode ficar excluído do que está acontecendo no resto do mundo. O Nissan Leaf tem potencial em nosso mercado, e nós não queremos que ele seja um carro de nicho”.

 

Interior também segue o padrão do Kicks, mas com pitadas de sofisticação típicas de um carro elétrico

Entretanto, o caminho continua nebuloso para tal possibilidade. Com o IPI atual, o Leaf custaria mais de R$ 200 mil, mas essa não é a intenção da Nissan. “Nós defendemos a redução da alíquota do Rota 2030. Para que o Leaf seja um produto competitivo no mercado brasileiro, o IPI precisa ser de, no máximo, 7%”, diz o presidente.

O planejamento para a chegada do modelo está bem encaminhado. A Nissan já adiantou que oferecerá oito anos de garantia para a bateria do Leaf, mas ficou devendo preço e versões. Evidentemente, os dois últimos tópicos dependem da aprovação da Rota 2030, mas o andamento da negociação é desanimador.

O novo regime automotivo foi adiado mais uma vez ao final de fevereiro, sem qualquer definição de quando as negociações serão retomadas no Governo Federal. De acordo com Marcos Jorge de Lima, ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, a aprovação da Rota 2030 depende de Michel Temer. “Sei que vocês devem ter muitas perguntas, mas não tenho qualquer informação sobre quando o novo regime automotivo deverá ser aprovado”, disse Jorge de Lima durante a inauguração da nova fábrica da Renault, no início desta semana.

Competitivo

Traseira de linhas modernas, mas que não chegam a ser tão arrojadas quanto sugere do projeto do carro

Em sua nova geração, o Nissan Leaf surge com uma bateria de 40 kWh, proporcionando autonomia de 240 km. Há também a opção de 60 kWh, que chega aos 320 km de capacidade. Sua potência fica na casa dos 149 cv, com 32,6 kgfm de torque.

 

O modelo chegou a aparecer por aqui como uma experiência da marca há alguns anos. Entretanto, apenas algumas unidades foram importadas, restritas para poucos taxistas e frota de imprensa. A marca diz que o feedback dos brasileiros foi levado em consideração para o desenvolvimento da nova geração do Nissan Leaf que está para chegar.

Fonte: Carros - iG 


Canais de Contato do Site

49.3198.0333 / 9.9998.5833

(WhatsApp)

A loja que anuncia nesta página é o único responsável pelas transações comerciais que realizar com os usuários do web site Carros e Carros. A comercialização do produto anunciado, bem como a garantia de sua legítima procedência, é de inteira responsábilidade do anunciante, não sendo o Carros e Carros responsável por quaisquer danos diretos e/ou indiretos causados a terceiros, advindo da exibição dos anúncios.