Conheça os 5 hatches que menos perdem valor depois de um ano

29/11/2019


Índices de desvalorização de 2019 são da Agência Autoinforme, que divulga no fim de todo ano os dados dos modelos vendidos atualmente no Brasil

O ranking de Maior Valor de Revenda 2019 é divulgado pela AutoInforme, como é habitual ao final e cada ano. Como se sabe, o quanto o carro desvaloriza tem sido um dos principais critérios dos consumidores na hora de fechar negócio. O estudo considera as diversidades ocorridas no mercado na época da cotação — como a disponibilidade do produto, os bônus concedidos pelas fábricas e repassados ao consumidor, entre outros fatores — eliminando eventuais distorções de preços provocadas por essas ações.

 

Foram eliminados os carros que tiveram modificações consideráveis nos últimos doze meses, para que a comparação não comprometesse o resultado do estudo. No ano de 2019, o Toyota Yaris foi o grande vencedor do ranking, com perda de 7,1% do valor inicial após um ano. Além dele, confira outros quatro hatches compactos que menos perderam valor depois de um ano.

1 – Toyota Yaris Hatch: 7,1%

Toyota Yaris é o modelos que menos perde valor após um ano na categoria

O hatch compacto é o carro que menos perdeu valor em 2019, de acordo com o estudo da Agência Autoinforme. Entre outros atributos, o carro é um dos mais econômicos hoje em dia. No caso das versões 1.3 com câmbio manual, acordo com o Inmetro, o carro faz 8,4 km/l na cidade e 10 km/l na estrada com etanol no tanque, números que passam para 12,1 km/l e 14,2 km/l com apenas gasolina.

A versão mais em conta do Yaris hatch é a XL Live 1.3, que parte de R$ 66.490. Entre outros itens de série, o carro conta com controle eletrônico de estabilidade, sistema de som com entrada USB, direção com assistência elétrica, faróis com acendimento automático, comando interno para abertura do porta-malas, entre outros itens. O motor 1.3 rende até 101 cv e funciona com câmbio manual de seis marchas.

2 – Chevrolet Onix : 7,9%

Valorizado entre os seminovos, o Chevrolet Onix Joy é o substituto definitivo do Celta

O carro mais vendido do Brasil em 2019 fica em segundo lugar no quesito desvalorização, de acordo com o levantamento da Autoinforme. A versão básica é a Joy (R$ 47.690), que não faz parte da nova geração que acaba de chegar às lojas. Nessa versão mais em conta o motor é o conhecido 1.0, de quatro cilindros, que rende 80 cv e 9,8 kgfm de torque.

Assim como o Yaris, o Onix Joy também é um carro econômico. O Inmetro diz que o carro faz 8,7 km/l na cidade e 10,9 km/l na estrada com etanol, além de 12,9 km/l na cidade e 15,6 km/l na estrada, com gasolina. Como aliado, o hatch compacto conta com câmbio manual de seis marchas com sobremarcha para economizar combustível.

3 – Hyundai HB20: 8,7%

Hyundai HB20 continua sendo um dos modelos que menos depreciam, segundo a AutoInforme

O hatch compacto da Hyundai é outro modelo que mudou de geração em 2019. Mas os dados da Autoinforme consideram as versões antes das mudanças. De qualquer forma, o modelo já tinha qualidades como uma lista de equipamentos interessante que inclui volante multifuncional, computador de bordo e som com entrada USB e Bluetooth, entre outros itens. A versão Unique, da geração anterior à atual era vendida a partir de R$ 44.490.

 

O Hyundai HB20 Unique vinha com motor 1.0, de três cilindros, aspirado, que rende 80 cv e 10,2 kgfm de torque acoplado ao câmbio manual, de cinco marchas.  Pelo Inmetro, o consumo urbano fica em 9,9 km/l com etanol e 12,5 com gasolina e o rodoviário 9,9 km/l e 14,1 km/l, respectivamente.

4 – Volkswagen Fox: 9,6%

Volkswagen Fox é destaque entre os modelos que menos perdem valor na categoria dos compactos

O veterano da VW aparece em quarto lugar entre os hatches compactos que menos perdem valor em um ano.  Hoje em dia é vendido apenas em duas versões, ambas com  motor 1.6, de 104 cv e câmbio manual de cinco marchas. Umas delas é a Connect (R$ 53.060), a mais em conta. Já vem bem equipado de série, com direção com assistência elétrica, computador de bordo, volante multifuncional, ar-condicionado, entre outros itens.

Conforme os dados do Inmetro, o Fox Connect faz 7,8 km/l na cidade e 9,7 km/l  na estrada com etanol e 11,6 km/l, dados que passam para 11,6 km/l e 13,9 km/l com gasolina. O câmbio é sempre manual, de cinco marchas, com tração dianteira. Por enquanto, o Fox continua sendo produzido em São José dos PInhais (PR).

5 – Nissan March:  10%

Aguardando um refresco no visual, o Nissan March se modernizou entre os modelos que menos depreciam

O pequeno hatch da marca japonesa já precisa de mudanças, mesmo assim aparece entre os cinco modelos do segmento que menos perdem valor depois de um ano.  A versão mais em conta parte de R$ 51.490, preço que dá direito a itens como direção elétrica, volante com regulagem de altura e central multimídia com tela colorida, compatível com Android Auto e Apple Car Play.

 

O March básico é o SV 1.0, que vem equipado com motor de 77 cv e câmbio manual de cinco marchas. De acordo com o Inmetro,  na cidade, carro faz 8,8 km/l com etanol e 12,9 km/l  com gasolina. E em percurso rodoviário atinge 10,4 km/l e 15 km/l na estrada, respectivamente. Espera-se que o novo March seja lançado apenas em 2021, depois de ser mostrado no fim de 2020.

Fonte: Carros - iG 


Canais de Contato do Site

49.3198.0333 / 9.9998.5833

(WhatsApp)

A loja que anuncia nesta página é o único responsável pelas transações comerciais que realizar com os usuários do web site Carros e Carros. A comercialização do produto anunciado, bem como a garantia de sua legítima procedência, é de inteira responsábilidade do anunciante, não sendo o Carros e Carros responsável por quaisquer danos diretos e/ou indiretos causados a terceiros, advindo da exibição dos anúncios.